Modelo de pitch básico para você arrasar nos elevadores

Esbarrei em um artigo antigo do TechCrunch (de abril de 2012) que contava sobre uma competição de “pitchs de uma sentença” organizada pelo Founders Institute. 

O artigo desafiava os leitores a apresentarem seus “One Sentence Pitch” e para ajudá-los, colocaram uma fórmula bem bacana para criar o seu pitch básico:

Como muitos empreendedores enfrentam dificuldades com isso, decidi fazer algumas pequenas mudanças e traduzir para o português.

Modelo de pitch básico

Olá meu nome é (seu nome). Eu (o que você faz) na (nome da empresa), (O que o seu negócio faz) para (o tipo de cliente/segmento) que procuram (qual o problema que esse cliente/segmento tem).

Nosso diferencial é (coloque o diferencial que faz o seu negócio ser melhor/específico que as soluções atuais).

Resumindo em uma imagem (como o pessoal do Founders), ficaria mais ou menos assim:

Mas como ficaria com um exemplo real?

Olá, meu nome é Amure. Eu sou o CEO do Blogo, a forma mais fácil e rápida de escrever, publicar e gerenciar conteúdo em múltiplos blogs para blogueiros, escritores e profissionais de mídias sociais que procuram produtividade e simplicidade no seu dia a dia de criação.

Nós entregamos isso através de um app para Mac que permite aos nosso usuário gerenciar múltiplos blogs, moderar comentários, editar imagens fácilmente, trabalhar em modo offline, conectar com Evernote e insirir vídeo e imagens com 1 clique direto do browser.

Bacana? E aí, como ficou o seu? Coloque nos comentários o seu pitch e aguarde os feedbacks!


Eu escrevi este post usando o Blogo, um editor de blogs para Mac  Com o Blogo eu consigo editar imagens, gerenciar os comentários do meu blog, agendar posts, escrever mesmo sem internet em modo offline, sincronizar meus rascunhos com Evernote e muito mais. 😉  

Anúncios

Fazendo o seu primeiro pitch #likeaboss

Na minha curta história de investidor anjo, já presenciei excelentes projetos perdendo chances importantes por não terem um bom pitch afiado na ponta da língua. Já presenciei o contrário também: projetos longe do ideal ganharem sobrevida após um excelente pitch, e com isso conseguirem mais tempo para pivotar e encontrarem um bom caminho.

Em ambos os casos, a conclusão é a mesma: pitch é fundamental.

No último sábado dia 21/10, participei do YouPix apresentando a palestra “Big Boss – Como vender a sua idéia?” no palco Like a Boss do Sebrae. Entre 40 a 70 pessoas assistiram de olhos bem abertos algumas dicas e boas práticas para não derrapar na hora de vender o peixe.

undefined

 
Continuar lendo